h1

É NESTE SÁBADO!

novembro 14, 2008

2729014840_79f74b47c3_o

Neste sábado 15 de novembro de 2008 estaremos no Parque da Àgua Branca, em frente à feirinha de orgânicos, por volta das 10h, celebrando a Semana Internacional de Babywearing 2008. Nos vemos lá?!

h1

O evento

outubro 17, 2008

Entre os dias 12 e 19 de Novembro comemora-se em todo o mundo a Primeira Semana Internacional de Babywearing. Em São Paulo, teremos atividades referentes a esta celebração no sábado 15 de novembro.
Babywearing é a antiga arte de carregar seu bebê junto ao seu corpo, preso por um carregador de pano. Bebês devem ter sido carregados dessa maneira desde os primórdios dos tempos, pois manter a cria seguro de predadores e próxima da mãe era a melhor garantia de sobrevivência da espécie.
Hoje o costume permanece em diversas comunidades tradicionais em todo o mundo: em tribos indígenas da América do sul, na Índia, China e Japão e especialmente na África usam-se panos coloridos para prender o bebê ao corpo da mãe ou outro cuidador podendo ser o pai ou até outra criança.
O termo babywearing foi criado nos EUA pela família do Dr. Sears, renomado médico que comprou a idéia do carregador de bebês moderno com a incorporação de um par de argolas no lugar do tradicional nó. Ele percebeu que o bebê junto ao corpo da mãe tinha inúmeras vantagens que mais tarde foram corroboradas por estudos comparativos de carregadores desestruturados e bebês-confortos e podem ser avaliadas em relação à prática da mamãe-canguru.
No entanto, as maiores vantagens foram relatadas pelas próprias mães que afirmavam que carregando a criança dessa maneira garantiam um bebê mais feliz e ainda conseguiam retomar algumas atividades antes impensadas enquanto o bebê queria colo. Foi essa propaganda boca-a-boca que levou ao desenvolvimento dos diversos modelos e releituras de carregadores de pano no mundo de hoje. A fama de uma vida mais fácil, de um bebê mais satisfeito e feliz foi mais forte e rompeu a barreira inicial da “estranheza” do costume no mundo de hoje.
O costume chegou ao Brasil através de mães que tiveram contato com carregadores estrangeiros e nossa releitura já tem o gostinho daqui: panos leves, coloridos e charmosos que deixam a mãe mais bonita enquanto a praticidade de levar uma vida mais ativa junto do bebê é reconquistada.
O contato direto com a mãe promove a integração e o rápido atendimento das necessidades do bebê, sejam elas um olhar, um carinho ou amamentação em livre demanda. Em ano de ampliação da licença maternidade, babywearing vem para ajudar cumprir as metas governamentais de amamentação exclusiva nos primeiros seis meses.